Yellow Sounds #9 – Ten (1991)

Se eu pudesse dar um conselho para o “eu” do passado…

Ten_Pearl_JamNunca cheguei a um conselho final para eu jovenzinha. É certo, porém, que me falaria para ir a mais shows, em quanto eu pudesse ir. Foi esse pensamento que me fez abandonar o vou não vou e comprar o ingresso para o show do Pearl Jam.

A #PJLatinAmerica2015 começou e o primeiro show aconteceu ontem, no Chile. De lá, os caras passam na Argentina antes de virem tocar em cinco cidades brasileiras.

Como preparação, decidi passar mais tempo ouvindo as músicas dos caras. Pearl Jam tocou nos meus fones por anos, quase que diariamente. Até que, num belo dia, isso mudou sem nenhum motivo evidente.

Resolvi recomeçar por minhas músicas favoritas e isso me levou, de forma muito oportuna, ao primeiro álbum da banda que é também o único que aparece na lista dos “1001 discos para ouvir antes de morrer”: Ten.

É nesse momento, senhoras e senhores, que eu me assumo como fã poser da banda de Eddie Vedder. Fui atraída pelos hits e permaneci ouvindo-os quase que exclusivamente. Vai ver é por isso que Ten é meu álbum preferido. É também o preferido de muita gente e uma prova (como se fosse necessário) é que as quatro músicas mais ouvidas do Pearl Jam no Spotify são os singles Alive, Even Flow e Jeremy, além da música Black.

Confissão feita, eu não ia deixar passar a indicação desse álbum sem antes deixar um argumento mais interessante. O Pearl Jam é uma banda genuinamente grunge da querida Seattle. Muito se fala que o grunge morreu com o fim do Nirvana (essa discussão fica pra outra hora, quem sabe). Um fato, para mim, é que algumas das bandas contemporâneas que permanecem na ativa alteraram o som ao longo dos anos e isso é mais do que compreensível.

Surgiu ai uma nova mistura que entra na definição de rock alternativo. Eu gosto desse som, mas há algo na essência do grunge que me agrada muito mais. E Ten nasceu bem ali, em 1991, época auge do gênero.

grunge vedderPróximos shows – America Latina:

07/11 – Buenos Aires, Argentina
11/11 – Porto Alegre (Arena do Grêmio)
14/11 – São Paulo (Morumbi)
17/11 – Brasília (Mané Garrincha)
20/11 – Belo Horizonte (Mineirão)
22/11 – Rio de Janeiro (Maracanã)
25/11 – Bogotá
28/11 – Mexico City

No site oficial do Pearl Jam, todos os shows seguem marcados com ON SALE. A venda aqui no Brasil é realizada pela tickets4fun. Portanto, se você ficou com vontade de ir ao show, confira lá todas as informações sobre ingressos.

________________________________________________________________________________________

Lari Reis é jornalista, social media e viciada em música. Você pode (e deve) ver seus outros textos sobre música no seu longevo site Yellow Ever Shine e aqui no PontoJão semanalmente na coluna Yellow Sounds.


3 comentários sobre “Yellow Sounds #9 – Ten (1991)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s